28 de outubro de 2011

Chocante e real. Veja o vídeo.

Uma das maiores empresas de marketing do mundo resolveu passar uma mensagem para todos através de um vídeo criado pelo TAC (Transport Accident Commission) e teve um efeito fantástico na Austrália. Depois desta mensagem, 40% da população da Austrália deixou de usar  drogas e de consumir álcool nas datas comemorativas.

Documentação para viajar de carro pelo Mercosul e Chile

Fonte: Altamontanha.com - Por Pedro Hauck - Data: 18/06/2009

Viajar com seu próprio veículo é bastante vantajoso devido à liberdade de locomoção, conforto e segurança. Se você for ainda dividir as despesas com amigos, viajar de carro acaba sendo também a alternativa mais barata e divertida de se conhecer outros lugares.

O que pouca gente sabe é que viajar para fora do Brasil com seu próprio carro é permitido e é também a alternativa mais interessante e econômica. Entretanto, antes de pegar a estrada é preciso saber que existem alguns trâmites burocráticos para sair do país com seu veículo que não são muito claros nas informações consulares.

Nós do Altamontanha, de tanto irmos aos Andes, passando e sofrendo muito em aduanas e termos vivido em nossas peles as deficiências de comunicação das autoridades vamos explicar direitinho o que tem que ser feito para sair com seu carro do Brasil. As verdades e mentiras sobre documentação, regras de trânsito e dicas para que sua viagem de carro pela Argentina, Chile, Uruguai e Paraguai seja tranqüila e sem imprevistos.

O que precisa?

A princípio, os documentos necessários para viajar de carro pelos países do Mercosul e Chile são:

1. CNH brasileira dentro do prazo de vencimento.

2. RG ou passaporte originais

3.CRLV do veículo no nome do condutor.

4.Seguro carta verde.

5.Dois triângulos e um kit de primeiro socorros.

As exigências parecem ser simples, entretanto podem surgir complicações, pois existem vários poréns que não são explicados pelas autoridades, como por exemplo, quando o carro que você dirige está no nome de outra pessoa.

Clique no banner para contratar online o seguro viagem internacional

Legalização

Quando seu carro é emprestado, você precisará fazer uma legalização. Este é um problema chato e burocrático, aconteceu comigo uma vez e eu quase perdi a viagem devido à falta de informação sobre o que proceder neste caso.

A legalização é feita através do Ministério das Relações Exteriores em Brasília. Não é necessário ir até lá, pois os trâmites podem ser feitos por correio, entretanto, por este método ele demorará no mínimo 20 dias e se você não der início no processo de legalização com bastante antecedência correrá o risco de perder a viagem.

A legalização consiste em uma autorização por escrito. Nela tem que constar os dados do proprietário e condutor completos, assim como todas as informações do veiculo: Fabricante, modelo, ano, cor, motor, número de chassi, código Renavam, placa, etc. O documento deve ser assinado pelo proprietário e ter firma reconhecida em cartório para depois ser enviado para este endereço:

Divisão de Assistência Consular (DAC)

Esplanada dos Ministérios

Bloco H - Palácio Itamaraty

Anexo I - Térreo

70170-900

Brasília, DF - Brasil

Tel: (0XX61) 3411-9713

Fax: (0XX61) 3411-8800

Quem tiver pressa em obter esta documentação dirija-se pessoalmente à este endereço, pois pessoalmente a legalização é feita em 2 dias.

Seguro Carta Verde

te é um item que todo mundo se confunde, afinal o que é este seguro Carta Verde?

O seguro Carta Verde é um seguro que cobre apenas acidentes com terceiros, ou seja, se você bater o carro, seu Seguro Carta Verde irá indenizar o condutor do carro que você bateu.

 Seguro Carta Verde foi implementado na criação do Mercosul e é uma exigência para todos os países que fazem parte deste bloco econômico. O Chile não exige este documento.
Este seguro NÃO está incluído nos seguros normais de carro que temos, mesmo que eles tenham validade no Mercosul e no Chile. Geralmente para acidentes fora do Brasil os seguros normais só cobrem o seu veículo e os cuidados com você.

Existem várias seguradoras que fazem este tipo de seguro. O Seguro Carta verde mais famoso é o Sulamérica.
O seguro Carta Verde é somente obrigatório no Mercosul, Chile, Peru, Bolivia e outros países não pedem.

Nota: Consulte e faça online o Carta Verde em: www.lumaseguros.com.br/cartaverde.htm (válido para carros, pickups, motorhome e moto de qualquer cilindrada)

Carteira de motorista internacional

A carteira internacional de motorista é um livrinho que traduz para 8 idiomas aquilo que está escrito em sua habilitação. Para ter este documento é preciso apenas ter sua carteira de motorista em ordem. Ele é usado se você for dirigir em países de lingua distinta da sua, mas para viajar pela América do Sul, a proximidade do português com o espanhol não criam impecilhos para que os policiais dos outros países entendam o que está escrito em seu documento brasileiro.

Me disseram que a carteira de motorista internacional substitui a Carta Verde e talvez por isso estes documentos são muitas vezes confundidos. Não é necessário ter a carteira internacional para viajar pelo Mercosul e Chile (tão pouco para outros países da América espanhola), pois a CNH brasileira é válida nestes países. Muita gente sem informação acaba viajando com os dois documentos sem necessidade e acaba tento um gasto inútil.

Precaução com combustível lá fora

Não custa nada dizer, mas fora do Brasil não existe Álcool. A gasolina lá fora é muito boa, e por que incrível que pareça isto pode ser um problema. Isto por que nossa gasolina é bastante diluída com álcool, o que a deixa um pouco mais fraca em relação com as gasolinas de outros países. Por isso não é bom abastecer com gasolina aditivada lá fora, pois os motores brasileiros foram feitos para uma gasolina mais fajuta. Na Argentina e Chile os combustíveis têm nomes diferentes, mas são a mesma coisa que os nossos. Observe a tabela abaixo e veja o que equivale cada combustível.

Brasil:  Gasolina - Diesel
Argentina:  Nafta - Gasoil
Chile: Benzina - Diesel

Na Argentina dê preferência aos postos da rede YPF que segundo o povo de lá é o combustível mais confiável. Assim como aqui não confie em qualquer posto 'mequetrefe'. Na Argentina há três tipos de gasolina: a Normal, Super e Fangio XXI. Nunca abasteça com a Fangio, pois esta gasolina é boa demais para nossos motores, prefira sempre a Super.

No Chile a gasolina é vendida pela octanagem: 93, 95 e 97 octanos, siga a mesma dica dada para a Argentina e abasteça com a do meio.

Quem tem kit gás Brasileiro e for abastecer na Argentina e Chile, é trocar a válvula onde encaixa o bico injetor de gás, pois na Argentina o tamanho é diferente. O problema é comprar este adaptador. Ele geralmente é vendido em lojas de 'repuestos' ou nas proprias oficinas 'Talleres' de GNC, como é chamado o GNV lá na Argentina. Esta peça custa apenas uns 40 Pesos, não sejam enganados!

Um problema é que nas cidades fronteiriças com o Brasil você não encontrará esta peça, pois não existe posto com GNC nestas cidades. Outro problema que encontrei viajando com gás é que lá é obrigado ter um adesivo colado no vidro do carro que é o certificado de que seu kit gás está OK. Este adesivo chama-se 'Oblea' e muitos frentistas sem cérebro não conseguem entender que a tal Oblea é um documento argentino e que nosso certificado do Inmetro é válido lá e então eles não te abastecem com o gás.

Para evitar qualquer problema, visite o site oficial do Mercosul e consulte a resolução que trata sobre o abastecimento de GNV. Para facilitar sua busca, clique aqui para ir direto à página da tal resolução em português e aqui para espanhol.

Para evitar problemas nos postos de gasolina, imprima esta resolução e quando o frentista cabeça de vento não quiser abastecer seu carro com gás, chame o 'encargado' e mostre a resolução à ele!

Pedágios

Em todos os países há pedágios. O Chile especialmente é o país dos pedágios, pois além de ter muitos, eles são caros, lá a moeda é bastante valorizada em relação ao dólar e isto pesa muito (no Chile se paga por tudo, até por informação!).

Já na Argentina os pedágios são super baratos e não chegam a incomodar. Os hermanos argentinos não tem autopistas modernas como os chilenos, mas suas estradas de pista simples são também excelentes, com pavimentação de qualidade e sinalização padronizada em todas as quase todas as Províncias e estradas (há excessões em pouquíssimos lugares).

Bolívia me surpreendeu recentemente pela quantidade de pedágios existentes nas estradas de lá. Existem pedágios até em estradas de terra. Me surpreendeu também a maneira como eles funcionam, pois ao parar, os funcionarios pedem seus documentos e muitas vezes obrigam você a se registrar no local! O valor do pedágio é proporcional ao tanto que você vai andar na estrada, por isso você tem que dizer de onde vem e para onde vai. O estranho é que não existe uma tabela clara destes valores. Entretanto, como a moeda da Bolívia é bastante desvalorizada, estes pedágios acabam não pesando muito em seu bolso.

No Paraguai e Uruguai também há pedágios, mas somente perto de suas capitais. As estradas nestes países são também muito boas e bem sinalizadas. Quem for dirigir nestes dois países tomem apenas uma precaução: Abasteçam antes de pegar a estrada, pois o interior do Uruguai e Paraguai é muito pouco povoado, quase não há cidades e tão pouco postos de combustível.

Corrupção Policial

Corrupção Policial é uma realidade tanto no Brasil quanto em nossos países vizinhos, menos no Chile. Ao ser abordado neste país cometendo alguma infração, não tente subornar os Policiais. Os Carabineiros, como são chamados os policiais no Chile, são muito corretos e disciplinados, não aceitam propina e punem quem tenta corrompê-los.

A Polícia no Paraguai e na Argentina tem uma fama terrível de ser exatamente o contrário da Polícia chilena. Isso não deixa de ser verdade, mas também não é regra.

Eu mesmo já tive problemas, principalmente com os policias provinciais, então, tenha todos os documentos obrigatórios e também seu carro em perfeitas condições com pneus bons e extintor dentro do prazo de vencimento, não esqueça dos dois triângulos e do kit de primeiros socorros para não ter problemas.

Quando me pararam na Argentina tentando me multar, os guardas provinciais de Misiones inventaram um documento chamado 'Revision Técnica', que não existe. Não caia nesta lorota de Revisión Técnica!

Antes de viajar veja as resoluções sobre a documentação para transitar com veículo brasileiro na Argentina no site do Mercosul. Imprima a resolução e mostre para um policial se ele for inventar algum documento inexistente para te multar. Nunca perca a esportiva para não ter problemas com desacato!

Problemas com bagagem na fronteira

Há coisas que não podem atravessar a fronteira, como alimentos perecíveis (Frutas, carnes, leite) e qualquer tipo de plantas e animais vivos. Se você for viajar com um animal de estimação, terá que obter permissão no ministério da agricultura da aduana onde você irá atestar que seu animal é sadio e recebeu todas as vacinas.

Se você tem equipamentos eletrônicos de valor, declare-os para não ter problemas na volta. Isso geralmente não tem muito problema na Argentina, mas no Paraguai é levado à sério, nem precisa falar porquê.

Não seja louco de tentar passar a fronteira com armas de fogo ou drogas, você será indiciado por tráfico internacional e isso é gravíssimo.

Regras de trânsito

As regras de trânsito diferenciam de país em país, mas em geral no que tange os “'bons modos' é tudo igual. O que muda na realidade é a flexibilidade com que o motorista encara a lei e o rigor que o estado pune o infrator. Para o motorista brasileiro que já está acostumado com radares eletrônicos, fiscalização dura e punições, verá que nossos vizinhos, com exceção do Chile, têm o trânsito igual ao que tínhamos há 20 anos atrás, ou seja, com motociclistas sem capacete, motoristas sem cinto de segurança, carros velhos sem segurança circulando, gente dirigindo em alta velocidade, etc... Mas cuidado! Agindo como eles você descobrir se a fama da Polícia destes países é mesmo verdadeira. Eu não recomendo testar!

Ps. Alguns leitores me perguntaram da obrigatoriedade do porto do cambão e outros equipamentos de reboque. Pois bem, eles não são mais obrigatórios. Se por um acaso um policial argentino pedir, ele está querendo na verdade outras coisas... Não caia no golpe!





26 de outubro de 2011

Google considera comprar Yahoo

Fonte: Proxxima

Depois da Microsoft, imprensa americana especula que a Google poderá injetar dinheiro para assumir o Yahoo

Apesar de não confirmar oficialmente, o Google poderá injetar dinheiro para assumir a gestão do Yahoo. Segundo a edição de sábado do Wall Street Journal, a gigante estaria conversando com duas empresas privite equity para viabilizar a operação.
 
É a segunda vez em menos de uma semana que rumores sobre a venda do Yahoo circulam no mercado norte-americano. Na semana passada, a Microsoft ficou no centro dos interessados em assumir o Yahoo.


Faça o seguro de seu equipamento. Clique no Banner.


24 de outubro de 2011

Ituran com seguro Mapfre

A MAPFRE oferece um seguro diferenciado para quem possui rastreador Ituran instalado no veículo. Este seguro cobre o seu veículo em casos de ROUBO/FURTO/INCÊNDIO. Se seu veículo for roubado e não for localizado/recuperado, a MAPFRE fará a indenização de 100% do valor da tabela FIPE.

COBERTURAS:
  • Roubo ou Furto Total (Indenização 100% da FIPE)
  • Valor de mercado referenciado determinado pela Tabela FIPE.
  • Incluido serviço 24 horas de guincho, chaveiro, socorro eletro-mecânico e outros.
Como funciona?
  1. O rastreador será instalado em seu veículo (comodado).
  2. Após a instalação o cliente será contatado para início da cobertura do Seguro (cobertura nacional)
  3. Em caso de roubo/furto o cliente aciona a Ituran para localização do veículo.
  4. Caso o veículo não seja encontrado em 10 dias a Seguradora Mafre fará a indenização ao segurado.

* O rastreador Ituran é cedido em regime de comodato. Sem custo para o cliente. O seguro é garantido pela Mapfre Seguros. Oferta válida apenas para instalações em São Paulo (capital), Grande São Paulo e Campinas-SP com COBERTURA NACIONAL. TIPO DO RASTREADOR - Rastreador Regional: Tecnologia RF. I Mensalidades: R$ 79,90/mês ou R$ 99,90/mês. Taxas Instalação: R$ 249,00. Desinstalação: R$ 249,00 (antes de 01 ano de contrato) e R$ 100 (após 01 ano de contrato). Após a desinstalação, é obrigatória a devolução do equipamento para a Ituran.


22 de outubro de 2011

Brasileiros compraram 304 mil iPhones


Fonte: Proxxima  - Data 21/10/2011
Dados são da Gartner e correspondem ao segundo trimestre deste ano

De acordo com os dados da Gartner compartilhados pela TIM, somente no segundo trimestre deste ano, os brasileiros compraram 304 mil iPhones. Desse total, a TIM afirma ser responsável por 40%.

Segundo o Teletime, a alta penetração é explicada pela oferta do modelo 3GS por R$ 999, abaixo do preço de comercialização do iPhone 4. O número refere-se apenas a aparelhos comprados no Brasil.


Faça o seguro de roubo do seu iPhone agora. Clique no banner.


21 de outubro de 2011

Samsung supera Apple

Fonte: Proxxima - Data: 20/10/2011

Segundo o Wall Street Journal, fabricante coreana é líder em smartphones no mundo

A Samsung superou a Apple e se tornou o maior vendedor mundial de smartphones no terceiro trimestre de 2011, segundo informações publicadas nesta quinta-feira, 20, pelo Wall Street Journal.

De acordo com o jornal americano, a Samsung Electronics Co. produziu mais de 20 milhões de smartphones no último trimestre. A marca supera as antigas líderes Apple Inc. e Nokia Corp.

Segundo o jornal, a Samsung se beneficiou de um aumento da procura por smartphones de última geração, capazes de baixar e reproduzir filmes e jogos com gráficos e resoluções mais avançadas. O novo posto também tem claro reflexo na escolha pelo sistema mobile Android, da Google, em parte de sua linha de smartphones.

Faça o seguro de roubo de seu smatphone. Clique no banner.


20 de outubro de 2011

Conheça o AutoAssist. Assistência 24 hs para autos e motos.

Ideal para quem não possui seguro do veículo ou possui seguro sem serviço de assistência 24 horas. Com coberturas similares às concedidas pela assistência das seguradoras e com custo anual muito menor. A contratação é online através do site http://www.autoassist.com.br/ e o pagamento pode ser feito por boleto bancário ou cartão de crédito (pagseguro). Clique no link  para saber mais: http://www.lumaseguros.com.br/infoassist.htm

19 de outubro de 2011

Redes sociais ajudam a localizar 72% de devedores considerados perdidos

Fonte: Fonte: Portal Nacional de Seguros - Autor: Anadi Luchetti

Um estudo feito para o MBA executivo IGEOC-Acrefi em Crédito e Cobrança comprova a eficiência das redes sociais na localização de inadimplentes.

613 clientes de um total de 852 pesquisados têm perfil no Facebook e foram identificados pelas empresas de cobrança, o que corresponde a 72% do total da amostra.

O grupo que participou da pesquisa é formado por devedores de todas as regiões do Brasil, com mais de 720 dias de atraso em financiamentos de veículos, cartão de crédito, empréstimo consignado e consórcio. Todos eram clientes com o status de “deslocalizados” (terminologia utilizada pelo setor de cobrança), ou seja, pessoas que já haviam sido procuradas, sem sucesso, por contato telefônico, SMS, e-mail e mala direta e que se foram consideradas “perdidas” pelas empresas de cobrança.

Em números absolutos, a região Centro-Oeste foi a campeã de localizações. Lá 83% dos clientes “deslocalizados” têm perfil no Facebook. Em seguida vem as regiões Sul (com 80%), Sudeste (77%), Norte (60%) e Nordeste (57%). “Esse resultado comprova o surgimento de um novo canal de comunicação com o cliente. Acreditamos que a cobrança caminha a passos largos para tornar-se multicanal, dentro, é claro, das regras do Código de Defesa do Consumidor, de não expor o cliente a nenhum tipo de constrangimento ou ameaça", explica a superintendente do Instituto GEOC, Anna Zappa.

O IGEOC reúne as principais empresas de cobrança do país e é o idealizador do MBA em Crédito e Cobrança, viabilizado em parceria com o Ibmec. O resultado completo do estudo será apresentado amanhã (19/10) no 7º Congresso Nacional de Crédito e Cobrança, que acontece nos dias 18 e 19 de outubro, em São Paulo.

A autora do estudo e aluna do MBA, Tatiana Pomar, lembra que, no segundo trimestre de 2011, o acesso à internet atingiu 77,8 milhões de brasileiros, que passaram em média 69 horas on-line, conforme pesquisa do IBOPE Nielsen Online. Os sites de redes sociais chegaram a 39,3 milhões de pessoas, equivalente a 87% dos internautas em agosto de 2011, colocando o Brasil como o 2º pais do mundo em penetração nas redes sociais.

“É necessário estar presente onde o cliente está. Somente desta forma é possível suprir as demandas atuais de forma eficaz e eficiente. Para as empresas se adequarem a essa nova realidade, atendendo as necessidades de seus clientes e superando as suas expectativas para criar um vínculo de fidelização com o consumidor, ela deve ser multicanal na sua comunicação”, afirma Tatiana.


Tablets "Xing Lings": Vale a pena gastar dinheiro com eles?

Fonte: Olhar Digital

Basta um rápido passeio por sites da internet para perceber: eles estão entre nós. Os tablets "Xing Ling" chegaram. E eles têm algumas características em comum. Para começar, todos são controlados pelo Android, o sistema operacional do Google. Geralmente, a versão é a 2.2.

Outro ponto em comum é que esses tablets normalmente não oferecem conexão celular, apenas via wi-fi. Até existem modelos que navegam pelo 3G, mas são minoria. A outra característica em comum é o preço. Esqueça os R$1,5 mil, R$2 mil dos iPad, dos Galaxy ou dos Xoom. Aqui, os patamares são outros.

Jordão Santos, revendedor de produtos da China, afirma: "Nós temos aproximadamente 6 modelos, que variam de R$380 a R$750. São preços bem atrativos".

Como já deu para notar, o principal atrativo desses tablets é o preço. E aqui vale uma observação. Estamos usando o rótulo de Xing Ling, não para identificar produtos que tenham chegado ao país de forma ilegal, mas apenas para designar os inúmeros modelos que são fabricados na China – que aliás, é de onde vem também o iPad e seus concorrentes. A diferença é que esses aparelhos não têm grandes marcas por trás.

Jordão ainda explica que "o mais interessante é que eles procuram mais o design arrojado, um tablet com algum diferencial. A marca é menos importante, porque é tudo muito novo. Então procuram algo para carregar, para apresentar para os amigos, levar para uma casa de praia ou para usar no carro. O público procura mais preço do que qualidade".

Agora, o que todos querem saber é: vale a pena gastar por volta de R$250, R$400 em um tablet desses?

Responder a essa pergunta não é tarefa fácil. Para começar: não imagine que num aparelho desses você vá encontrar o mesmo nível de acabamento de um iPad. Nem a mesma qualidade de tela. A velocidade de resposta também não é a mesma – mas, é bem próxima quando você compara com o tablet da Samsung, por exemplo. O resumo é: não espere mágica. Evidentemente, esses aparelhos têm desempenho e mimos a menos que os das grandes marcas. Mas, a boa notícia é que eles não ficam tão atrás.

Do ponto de vista do uso, estamos falando do Android, numa de suas versões mais recentes. Ou seja, é a mesma versão que você encontra, por exemplo, no Galaxy, da Samsung. Então, os recursos do sistema operacional estão todos lá. A bateria tem uma boa autonomia. No nosso rápido exame, ela durou cerca de seis horas com um uso misto – ou seja, não ficamos assistindo a vídeos o tempo todo, mas navegamos pela Web e fizemos coisas comuns, como enviar e-mails, por exemplo.

Alguns desses modelos vêm com duas câmeras. O que nós testamos tinha apenas uma, frontal. A qualidade não era das piores: foi mais que suficiente para uma chamada pelo Skype. Não dá para usar para tirar fotos, mas uma câmera desse tipo não foi pensada para isso mesmo. A sensibilidade da tela touch screen ficou no nível do razoável – até acima do que esperávamos.

No mundo Xing Ling, tem formatos para todos os gostos. Tem aparelho com 10 polegadas, com 7 polegadas e até outros tamanhos fora do padrão. Agora, um dos problemas nesse mundo é sempre a garantia...

"Nós temos uma garantia de aproximadamente 3 meses, que é a garantia do fabricante. Mas nós estendemos um pouco para 6 meses, que é a média do mercado. Mas ninguém fica na mão, temos atendimento e produtos de qualidade", completa Jordão.

Estão aí alguns prós e contras quando o assunto são os tablets Xing Ling. E muita gente tem apostado nesses aparelhos mais econômicos – até para colocar na mão das crianças. Afinal, se quebrar, o prejuízo é menor...

Jordão ainda explica que muitos procuram os aparelhos para dar às crianças: "Nós temos procura por aqueles que têm a possibilidade para jogos. Existem os tablets com touchscreen, e as crianças gostam de apertar com os dedos, jogar, e que são rotacionais. Temos até os que estão sendo fabricados no Brasil".

Para resumir: os tablets Xing Ling podem não oferecer tudo que os de marcas famosas apresentam, mas também não são tão piores... é claro que sempre tem o problema da garantia. É uma questão de custo/benefício.


Faça o seguro de roubo de seu equipamento. Clique no banner.


18 de outubro de 2011

Homem flagra esposa infiel através de aplicativo do iPhone 4S


Fonte: Geek

O iPhone 4S mal chegou às lojas e já está envolvido em casos de adultério nos Estados Unidos. Para o marido traído, a compra deve ter valido a pena.
Segundo o Business Insider, o homem enganado pela companheira é um cidadão novaiorquino de 40 anos. Usando um estratagema simples e o app Find My Friends, confirmou as suspeitas de que sua mulher o traía.

O Find My Friends permite que os usuários encontrem seus amigos usando o localizador GPS presente nos smartphones. O marido desconfiado deu um iPhone 4S para a esposa de presente, sob a alegação de que era um lançamento e ele quis “fazer um chamego”. Só que ele também comprou um para si e com seu próprio iPhone passou a rastrear os descaminhos da amada.

No dia do “flagra”, a esposa disse ao marido que ia ao cabelereiro, mas na verdade foi até o bairro Upper East Side, em Nova York. O marido, já desconfiando das constantes idas ao coiffeur – muitas vezes, a mulher voltava com o cabelo intocado -, confirmou as suspeitas usando o app.

Os nomes dos envolvidos não foram divulgados. É provável que um processo de divórcio ocorra, mas não se sabe ainda se a mulher processará a Apple (ou o marido traído) por invasão de privacidade.


Clique no banner para simular o seguro do seu equipamento
 

iPhone 4S bate novo recorde para Apple


Fonte: Proxxima

Aparelho atingiu quatro milhões de unidades vendidas em apenas três dias, diz Apple

A Apple anunciou que o iPhone 4S, que chegou às lojas no dia último dia 14, alcançou a marca de quatro milhões de unidades vendidas em apenas três dias.
Também foi divulgado que o iOS 5, nova versão do sistema operacional da empresa, atingiu 25 milhões de usuários em cinco dias e que o serviço na nuvem da empresa, o iClou d já conta com mais de 20 milhões de usuários.
Segundo o vice-presidente de marketing da Apple, Philip Schiller, o volume de vendas no período da nova versão é simplesmente mais que o dobro do obtido com o iPhone 4 e o maior já atingido por um celular da empresa.
O novo smartphone é parecido com o iPhone 4, mas com processador A5 dual-core (tecnologia também utilizada no iPad 2), câmera de 8 megapixels e compatível com redes GSM e CDMA.


Faça o seguro contra roubo do seu equipamento. Clique no banner


Seguro Carta Verde para viagens ao Mercosul

Desde o dia 20 de março de 2011, os clientes que possuem veículos enquadrados nas categorias 30 (moto nacional), 31 (moto importada) e 98 (casas volantes), também podem usufruir do Seguro Carta Verde durante suas viagens à Argentina, Paraguai e Uruguai.

O Carta Verde é um Seguro obrigatório para os veículos brasileiros, quando em viagem para o MERCOSUL*. Ao contratá-lo, o cliente pode contar com a segurança e proteção da cobertura de Responsabilidade Civil Facultativa, que garante o pagamento de suas despesas, caso tenha sido responsável por algum acidente que tenha resultado em danos materiais ou corporais a terceiros.

* Válido para Argentina, Paraguai e Uruguai.



17 de outubro de 2011

Passagem de avião comprada com antecedência custa até 55% menos

Fonte: UOL Economia (Aiana Freitas) - Data: 17/10/2011

A passagem aérea comprada com antecedência pode resultar numa economia de até 55% para o consumidor. Essa é uma das conclusões de um estudo divulgado pelo Nectar (Núcleo de Economia dos Transportes) do ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica). O estudo foi feito por meio da coleta, pela internet, de mais de 2 milhões de tarifas num período de 24 meses (entre 2008 e 2010). Foram considerados apenas voos domésticos com saída dos aeroportos de Congonhas, na zona sul de São Paulo, e Cumbica, em Guarulhos (Grande São Paulo). Segundo a pesquisa, o desconto pode chegar a até 55% para quem compra passagem com 60 dias de antecedência partindo do Aeroporto de Cumbica. Considerando Cumbica e Congonhas, a compra antecipada pode gerar economia de 38%. Além disso, o estudo conclui que voar de Congonhas é, em média, 18% mais caro que voar de Guarulhos. Viajar no feriado é mais caro O estudo evidencia algo que muitos consumidores já sentiram no bolso: viajar no feriado é mais caro. Quem viaja na véspera paga 12% mais caro; já quem viaja no próprio feriado paga 3,8% mais. Tiradentes (abril), Corpus Christi (junho), Revolução Constitucionalista (julho, coincidindo com período de férias), Natal e Ano Novo (dezembro) são as datas em que as passagens ficam mais caras. Segundo o estudo, ao contrário de companhias aéreas internacionais, as brasileiras cobram mais barato em voos sem escalas. Voos com escalas e conexões são 30% mais caros. O estudo do Nectar mostra, ainda, que a tarifa média dos voos que partem dos dois aeroportos teve uma redução de 26% no período pesquisado: caiu de R$ 517, em 2008, para R$ 382 em 2010.

Faça a simulação do seu seguro viagem. Clique no banner.


14 de outubro de 2011

Advogada da Samsung não consegue distinguir Galaxy Tab do iPad

Advogada da Samsung não consegue distinguir Galaxy Tab do iPad

Fonte: IDG Now!, com IDG News Service

No processo no qual a Apple acusa a rival de copiar seu tablet, representante da empresa coreana mostrou que também não enxerga a diferença.

Saia justa no processo no qual a Apple acusa a Samsung, nos Estados Unidos, de copiar o iPad, com a oferta da linha Galaxy Tab. Segundo a agência Reuters, durante audiência realizada ontem (13/10) a juíza Lucy Koh colocou um tablet em cada mão e perguntou à advogada da empresa sul-coreana se ela conseguiria dizer que empresa produziu cada um deles.

A resposta: “não a esta distância, meritíssimo”. Detalhe: ela estava a três metros... Então a juíza insistiu, perguntando se algum advogado da Samsung era capaz de diferenciar os produtos. Foi então que outro advogado da empresa deu a resposta certa.

O processo da Apple foi iniciado em abril, com a empresa da maçã acusando a rival de fazer “cópias descaradas” do iPhone e do iPad. A juíza responsável pelo caso já afirmou que os produtos da Samsung violam patentes da Apple, mas o processo iniciado ainda tem algumas questões a serem analisadas.

Apple e Samsung travam uma batalha feroz nos tribunais. No começo de setembro, a Samsung lançou o Galaxy Tab 7.7 durante a IFA, feira de eletrônicos realizada em Berlim, mas teve que retirar o equipamento do seu estande, por conta das disputas judiciais.

Na mesma época, a Apple disparou um golpe contra a Samsung no mercado asiático. A empresa entrou com uma ação também no Japão, pedindo a suspensão das vendas do Galaxy Tab.

Ontem (13/10), a Apple obteve mais uma vitória na Justiça da Austrália, que reconheceu a legitimidade de sua solicitação e proibiu a comercialização do Galaxy Tab 10.1 no país.

De acordo com a empresa da maçã, que iniciou o processo em julho, o Galaxy Tab 10.0 viola suas patentes e copia recursos do iPad. A Samsung tinha como plano oferecer o equipamento na Austrália em setembro, mas resolveu segurar o lançamento para esperar a decisão judicial.


Clique no banner faça a simulação do seguro para seu equipamento.
 

13 de outubro de 2011

Roubo e furto de veículos voltam a subir no País


Fonte: Revista Apólice - Data: 13.10.2011

O número de roubos e furtos envolvendo carros, motos, caminhões e utilitários cresceu 3,04% nos últimos três meses, comparado com o trimestre anterior. Os dados são da Tracker do Brasil.

A alta foi impulsionada pelas ocorrências envolvendo caminhões. Entre julho e setembro, a empresa registrou 95 chamados nessa categoria, no segundo trimestre foram 68 - um crescimento de 39,7%. No mesmo período, houve uma ligeira alta nos eventos com automóveis e motos (0,38%) e queda nos utilitários (-3,64%).

Já no comparativo com o ano anterior, o número de roubos e furtos foi menor. No terceiro trimestre de 2011 a Tracker recebeu 780 chamados no total, contra 896 no mesmo período de 2010 - uma queda de 12,95%.
 

11 de outubro de 2011

Quanto custa ter e manter um carro

Fonte: Exame.com - Data: 10.10.2011 

Segundo o educador financeiro Reinaldo Domingos, os gastos mensais feitos com um veículo novo representam, em média, 3% a 4% do valor desembolsado na aquisição do carro

Ouvir que o impacto de um carro no bolso se assemelha ao peso de um filho no orçamento é comum – e não deixa de fazer sentido. Afinal de contas, os gastos que serão feitos com o automóvel serão regulares e irão muito além do desembolso para por o veículo na garagem.

O educador financeiro Renaldo Domingos, do Instituto DSOP, alerta, contudo, que nem todo mundo considera o dispêndio com impostos, manutenção e até eventuais multas antes de comprar um carro. O resultado, escreve ele no livro “Livre-se das dívidas”, é o que o veículo pode se tornar “uma prisão financeira disfarçada de liberdade”.

Pelos cálculos de Domingos, de 3% a 4% do valor do carro serão gastos todos os meses pelo motorista. O percentual inclui IPVA, seguro, DPVAT, inspeção veicular, gasolina, revisão, estacionamento e também a depreciação natural do veículo – ao cruzar os portões da concessionária o carro já perde cerca de 10% do seu valor.

No frigir dos ovos, um carro popular de 25.000 reais terá um impacto mensal médio de 875 reais nas contas de seu proprietário, ou 10.500 reais por ano.

Na visão do educador financeiro, é muito comum que os consumidores comprem o primeiro carro financiado, em geral por um valor próximo a 25.000 reais. Mas quem dividir a conta em até 60 meses, terminará este período tendo pago 42.000 reais pelo automóvel, em prestações mensais de 700 reais.

"Sempre haverá quem defenda que esté é um bom negócio", escreve Domingos. "O problema é que, cego de desejo, você não pensa duas vezes: compra e, depois, só depois, percebe concretamente as consequências da decisão tomada." Para ele, quem avalia apenas se a parcela do financiamento cabe no bolso e subestimando todo o resto, corre um sério risco de perder o controle das finanças. "Equivocadamente, algumas pessoas acreditam que o carro é um bem de investimento, quando, na verdade, ele não passa de um bem de consumo, cuja aquisição mal planejada pode correr as bases do orçamento."

Ele lembra que carros mais potentes e luxuosos implicam maior consumo de combustível e gastos também maiores com seguros e peças. "Ao tomar a decisão de comprar um modelo mais sofisticado, é preciso ter certeza que será possível arcar com os custos adicionais acarretados pela aquisição", finaliza Domingo.


Faça a simulação e contrate online seu plano de assistência 24 horas


10 de outubro de 2011

Conheça as vantagens do seguro-viagem

Fonte: www.band.com.br
Para evitar dor de cabeça e gastos desnecessários em casos de incidentes, vale a pena investir um dinheiro a mais para se proteger


Investir em um seguro-viagem pode evitar dor de cabeça durante as férias  / Shutterstock
Investir em um seguro-viagem pode evitar dor de cabeça durante as fériasNa hora de viajar, além de comprar passagens, reservar hotel e pensar em um roteiro, a compra de um seguro-viagem vem se tornando também um item indispensável para os turistas.
A razão é simples. Para evitar dor de cabeça e gastos desnecessários em casos de incidentes, vale a pena investir um dinheiro a mais para se proteger.A gerente de produtos da empresa Europ Assistance, Lilian Ferraz, falou com o Portal da Band e respondeu as principais dúvidas sobre o seguro-viagem.  Por que muitos países da Europa e de outros continentes exigem que os turistas estejam em posse de um seguro viagem quando saem de férias?A exigência do seguro viagem objetiva garantir que o turista tenha condições financeiras de  se responsabilizar por eventuais imprevistos com sua saúde que possam ocorrer ao longo de uma estadia no exterior, evitando assim possíveis custos e consequentes “perdas” ao serviço de saúde pública ou privada do país.Normalmente as coberturas exigidas são assistência médica/hospitalar e repatriação sanitária, porém podem variar em relação ao valor financeiro de cobertura exigido para estes serviços.No caso da Europa, o tratado de Schengen, que abrange boa parte dos países da União Européia, exige que todos os turistas tenham contratado assistência viagem com cobertura mínima de 30 mil euros de assistência médica/hospitalar. Outro país que também faz essa exigência é Cuba.


Há algum tempo, as assistências viagens ofereciam apenas a cobertura de acidentes, extravios de bagagem e outros serviços básicos. Atualmente esta assistência tem oferecido pacotes mais personalizados. Esse mercado está crescendo?

O mercado de seguros de viagem cresceu 42% (de acordo com a Fenaprevi - Federação Nacional de Previdência Privada e Vida) no primeiro semestre de 2011. Esse crescimento tem sido impulsionado pelo aumento do poder aquisitivo dos brasileiros, especialmente da classe C.Diante do mercado em expansão, as empresas têm apostado em pacotes personalizados não só para atender as demandas de públicos específicos, mas como forma de diferenciação.

O que estes novos pacotes de serviços têm oferecido aos clientes que aderem à assistência viagem?

A personalização dos pacotes oferecem ainda mais segurança e comodidade ao viajante, pois é possível contratar o serviço de acordo com o motivo de sua viagem (turismo ou negócio) e as atividades a serem realizadas no destino. Um bom exemplo é o produto de assistência viagem voltado a executivos que a Europ Assistance oferece. Trata-se de um pacote que atende as necessidades específicas de uma empresa ou empresário, com o serviço de substituição de um executivo em viagem que tenha adoecido ou precise ter o seu retorno antecipado, ou ainda, com o envio de documentos urgentes.Esse produto oferece ainda o serviço de Help Desk remoto que pode ser acionado 24 horas de qualquer lugar do mundo. Ou seja, a conveniência de ter a segurança de que o objetivo da viagem será cumprido, é o que a empresa e o empresário podem ter a mais dos serviços tradicionais, por exemplo.

Quais são os riscos de se viajar sem o seguro viagem?

Diria que existem três grandes benefícios de se viajar com seguro viagem que impactam diretamente na tranquilidade de qualquer viajante:
a) A garantia de coberturas financeiras em caso de uma eventualidade – médica, jurídica, entre outras.
b) Ter uma empresa representando, orientando e mediando o viajante diante de uma necessidade, como por exemplo, gerenciar as tramites para um tratamento hospitalar ou a reserva de um restaurante.c)  Em caso de necessidade, ter a possibilidade de entrar em contato com uma central e se comunicar em língua nativa para orientá-lo e auxiliá-lo em território internacional.


Quais são as coberturas básicas de um seguro-viagem?

Primeiramente acho que é interessante diferenciar um seguro viagem de uma assistência viagem. No caso do seguro viagem, a cobertura é por evento, ou seja, o viajante (segurado) tem direito ao valor integral do plano em cada situação coberta pelo plano contratado. Já na assistência, há um limite que é descontado por circunstância. Vamos dar um exemplo pratico para facilitar o entendimento.A bagagem de um passageiro desapareceu após a chegada no destino. A assistência viagem é acionada a fim de auxiliar o cliente na tratativa junto à empresa de transporte para localizar os bens do passageiro, sem custos adicionais ao viajante. Caso esta não seja encontrada, o seguro viagem indenizará o usuário pela perda. Sendo assim, o seguro viagem normalmente abrange:  garante ao segurado/ beneficiário indenização, em casos de morte acidental, cancelamento de viagem, perda de bagagem, entre outros.

Quais os principais pontos que o cliente deve ter em mente para não gastar muito com essa despesa, mas ainda assim viajar protegido?

Eu começaria dizendo que seguro viagem não é uma despesa, mas sim um investimento que visa garantir ao viajante a cobertura de gastos imprevistos e de soma incalculável com acidentes e emergências durante sua viagem.

No entanto, algumas variáveis devem sempre ser consideradas pelo viajante no ato da compra, como avaliar qual o motivo da viagem e quais atividades serão realizadas no destino, para assim, garantir que o produto adquirido está atendendo as necessidades do usuário (nem menos nem mais). Se estou viajando apenas para realizar turismo simples e o produto que estiver sendo adquirido oferecer cobertura para esportes de risco, o usuário deve buscar um produto intermediário e evitar preços maiores.

Para viajantes da 3ª idade, outro ponto muito importante é sempre verificar se o seguro ou assistência adquirida apresenta limite de idade para direito às coberturas.

>>> Para simular ou contratar seu seguro viagem acesse: www.lumaseguros.com.br/viagem


7 de outubro de 2011

Steve Jobs deixou produtos para garantir os próximos quatro anos da Apple, diz jornal.

Fonte: UOL Tecnologia

Apesar do agravamento de seus problemas de saúde, Steve Jobs trabalhou no último ano no desenvolvimento de produtos que devem garantir os próximos quatro anos da Apple, segundo fontes da própria empresa ouvidas pelo jornal “Daily Mail”. O executivo também se dedicou bastante, recentemente, à aprovação da construção do futuro prédio da empresa, com capacidade para 12 mil funcionários.

Ainda de acordo com as fontes ouvidas pelo “Daily Mail”, o executivo morto nesta quarta-feira (5) inspecionou o desenvolvimento do iCloud, sistema que levará o conteúdo dos eletrônicos da Apple para a nuvem (servidores remotos). Ele teria encabeçado projetos de novas versões do iPod, iPad, iPhone e Macbook, “garantindo o equivalente a pelo menos quatro anos de produtos que ainda estão sendo projetados”, afirmou a publicação britânica, citando “fontes da Apple”.

A notícia da morte de Steve Jobs foi confirmada na quarta-feira (5) e, até agora, nada foi divulgado sobre um possível funeral do executivo conhecido pela discrição na vida pessoal. Logo após a confirmação da morte, sua família divulgou uma nota pedindo que sua privacidade seja respeitada neste momento de pesar.

Homenagens

Logo após o anúncio da morte de Steve Jobs, pessoas do mundo todo fizeram homenagens ao cofundador da Apple – além dos fãs da marca, celebridades, políticos e grandes empresários. Barack Obama, Bill Gates e Mark Zuckerberg estão nesta lista da qual também faz parte Choi Gee-sung, presidente da Samsung, grande rival da Apple.

A empresa sul-coreana, que está em guerra com a Apple por conta de patentes, divulgou nota dizendo que o espírito inovador de Jobs sempre será lembrado e prestando suas "mais profundas condolências" aos familiares e colegas do executivo.

E agora?

Muito se especula sobre o futuro da Apple, por conta da influência que Steve Jobs tinha sobre tudo o que era desenvolvido e criado pela empresa. "Steve foi uma personalidade de grande destaque e era um homem de negócios extraordinário", resumiu Van Barker, da consultoria Gartner, à agência de notícias France Presse. "Contudo, a máquina não vai parar. Muitas das qualidades de Steve estão gravadas na cultura da Apple."

Esse trabalho será desafiador para Tim Cook, que está à frente da companhia desde o final de agosto, quando Jobs renunciou ao cargo de diretor-executivo por conta de problemas de saúde.

"A Apple é sua herança, como a Disney é do Walt Disney e a GE do Thomas Edison. A cultura da inovação, de pensar de maneira diferente, de assumir riscos, vai sobreviver", afirmou também à France Presse Shaw Wu, analista da Sterne, Agee & Leach. "O desafio e a oportunidade que se apresentam agora para a Apple serão para manter esta cultura. A boa notícia é que Steve colocou em marcha uma equipe sólida", acrescentou.

Para os especialistas ouvidos pela AFP, a questão agora está em determinar a capacidade da companhia de continuar lançando novos “best-sellers” capazes de atrair os consumidores em massa para as lojas da Apple e seus revendedores em todo o canto do mundo.


Clique no banner e simule o seguro de seu equipamento.


6 de outubro de 2011

Steve Jobs narrou comercial não veiculado

Fonte: Meio e Mensagem
Peça de 1997 da campanha Think Different com voz do visionário cofundador da Apple parece feita em sua própria homenagem.
 
Estes são os doidos. Os extravagantes. Os rebeldes. Os causadores de problemas. Os pinos redondos nos buracos quadrados”. Assim começa o texto de um dos comerciais de 1997 da campanha Think Different, da TBWA\Chiat\Day, capitaneada por Lee Clow para a Apple. Na versão que foi ao ar, a narração é do ator Richard Dreyfuss. Mas houve uma versão beta na qual o próprio Steve Jobs, morto nesta quarta-feira, 5, aos 56 anos, colocou sua voz.

O complemento do texto diz: “Eles não se ativeram às regras. E eles não respeitaram o status quo. Você pode citá-los, não concordar, glorificar ou dizer que são vilões. Mas a única coisa que você não pode fazer é ignorá-los. Porque eles mudaram as coisas. Eles levaram a raça humana adiante. E embora alguns possam enxerga-los como os doidos, nós enxergamos gênios. Porque as pessoas que são suficientemente doidas para pensar que elas podem mudar o mundo, são aquelas que o mudam”.

O texto se refere a gente como Martin Luther King Jr. (foto), John Lennon e Albert Einstein, que aparecem no comercial. Mas claro que se refere também a gente como Steve Jobs.

Confira abaixo:  

 

Steve Jobs, fundador da Apple, morre aos 56 anos

Fonte: Proxxima - Data: 05/10/2011
Uma trajetória de sucesso marcou a vida de Jobs, inventor de produtos como Macintosh, o iPhone e o iPad

Morreu nesta quarta-feira, 5, Steve Jobs, fundador da Apple e criador de produtos como Macintosh, iPhone e iPad. Desde 2004 Jobs lutava contra o câncer, tendo passado por um transplante de fígado. Recentemente, Steve se afastou da Apple e deixou o comando com Tim Cook, que foi responsável pelo lançamento do novo iPhone na última terça-feira, 4.

Comunicado oficial

"Aqueles entre nós que foram afortunados o suficiente para conhecer e trabalhar com Steve perderam um querido amigo e um mentor inspirador. Steve deixa uma companhia que apenas ele poderia ter construído, e seu espírito será para sempre a fundação da Apple".

A mesa diretora da empresa também se manifestou. "Estamos profundamente entristecidos de anunciar que Steve Jobs faleceu hoje. O brilho, a paixão e a energia de Steve foram a fonte de incontáveis inovações que enriqueceram e aprimoraram todas as nossas vidas. O mundo é imensuravelmente melhor por causa de Steve."